terça-feira, fevereiro 10, 2009

5 comentários:

adelaide amorim disse...

Tudo para ser um grande astro, Maria. Maravilhoso.
Beijos.

Compulsão Diária disse...

Maria, grande.
Esse vídeo é uma das coisas mais generosas e sublimes que já vi.
Esse mosaico de músicos em pequenos cortes, me fez lembrar do canto dos galos de João Cabral..um que apanhe esse grito que ele
e o lance a outro; de um outro galo
que apanhe o grito de um galo antes e o lance a outro; e de outros galos que com muitos outros galos se cruzem os fios de sol de seus gritos de galo

Stand by me...com esse blog genial. Vou explorálo e comentando aos poucos vamos ver onde nossos cantos vão parar, ou não.

vaandando disse...

um feito enormíssimo, Maria !
Grato pela tua partilha !
Abraço
____________ JRMARTO

Maria Toscano disse...

maria: BELOBELOBELOBELOBELO! MUITO OBRIGADA POR (MAIS) ESTA PÉROLA!
ABRAÇO, SN DESTA N :-)
lindodododododdodododododo!, mt

Sérgio O. Sá disse...

Dentro deste género musial é um arranjo fantástico, bonito mesmo, pelos mais diversos motivos.
Apetece antrar no vídeo, no ritmo, na formosa bagunça que encanta.
Ai que saudades da minha guitarra, do meu contrabaixo e do meu "SOL NEGRO"!
Obrigado Amiga por este momento de tão gostosa nostalgia.

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Podes entrar ; tenho as mãos para dizer o disperso canto das águas. Os meus olhos, alagados pelo grito das árvores, são lúcidos ao início do sol. Com o amor das coisas, rejubilo e lanço os braços a um rodopio doce e futuro, a uma tempestade humana. Tudo o que eu espero é sentir o elo da criação que se move, entre mim e ti, e a claridade. ____________mariagomes
Estou no Blog.com.pt

Free Site Counters



Free Site Counters