quinta-feira, julho 28, 2005

( sem título)

perdi-me num requesto secular...
perdi-me no perfil de um poente,
e as amoras amadurecem.

o que escrevo é nada, enquanto os luares correm.
há uma dilatação a urdir a fábula, e o ébano.

meu amor, deixa que seja minha a anuência da música.
a música é uma ínsua no tempo.

mariagomes
julho.2005

1 comentário:

r.e. disse...

perder-se num perfil de um poente é bem capaz de ser uma das formas mais lindas de descrever um instante de felicidade como um momento angustiante. a arbitrariedade dos sentidos é intensamente fascinante. e domesticar a arbitrariedade é obra de mestria. Beijo. J.

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Podes entrar ; tenho as mãos para dizer o disperso canto das águas. Os meus olhos, alagados pelo grito das árvores, são lúcidos ao início do sol. Com o amor das coisas, rejubilo e lanço os braços a um rodopio doce e futuro, a uma tempestade humana. Tudo o que eu espero é sentir o elo da criação que se move, entre mim e ti, e a claridade. ____________mariagomes
Estou no Blog.com.pt

Free Site Counters



Free Site Counters